Pizzaria Elephant entrega redondas de 90 cm no Rio de Janeiro. Lojas funcionam apenas com delivery

A pizza pode ter sido criada na Itália, mas ganhou o coração do brasileiro de um jeito especial. Nós produzimos 1 milhão de pizzas por dia, segundo a Associação de Pizzarias Unidas de São Paulo, que afirma também que a capital paulista só perde para Nova York no consumo do prato. Além de degustar com frequência, também podemos dizer que somos criativos na produção da iguaria. Os cariocas Felippe Dias, Leandro Dias e Tássia Lima, por exemplo, são os donos da Elephant, pizzaria que se especializou em fazer e entregar pizzas de 90 cm.

A sociedade surgiu quando Dias propôs aos familiares que investissem juntos na abertura de uma pizzaria. Com experiência de três anos como gerente no ramo, ele queria abrir o próprio negócio. A cunhada Tássia é formada em psicologia e sempre trabalhou na área de recrutamento para empresas, enquanto o irmão Leandro seguia carreira militar. “Temos perfis diferentes e isso explica o sucesso da sociedade. Atuamos em cima das falhas dos outros”, afirma Lima.

Quando começaram a empreender juntos em 2015, abriram uma pizzaria e uma hamburgueria, lado a lado. Depois de dois anos, os sócios perceberam que gostavam mesmo era de colocar a mão na massa… de pizza. Venderam a marca com que trabalhavam inicialmente e investiram no nome Elephant, que até então era usado apenas para vender lanches.
Para se destacar, o trio decidiu investir em um diferencial peculiar: entregar a maior pizza do Brasil. A pizzaria onde Felippe trabalhou anteriormente já vendia a iguaria em tamanhos maiores do que os tradicionais, mas em operação de restaurante. “Fazer qualquer um pode fazer. Mas como entregar o improvável? Como levar até a casa do cliente de forma rápida, para chegar ainda quente, com a mesma proposta da pizza tradicional?”, relembra a empreendedora.
Para superar o recorde de 80 cm que encontraram e colocar no mercado a pizza de 90 cm para delivery, os sócios precisaram fazer diferentes adaptações em equipamentos e maquinário. Eles participaram de feiras em diferentes estados para encontrar fornecedores para desenvolver forno especial e embalagens. Tanto a mesa para produção das pizzas quanto o baú para os motoboys levarem os pedidos foram desenhados e fabricados pelos empreendedores. Em breve, as pizzas serão levadas em uma pequena carreta, com capacidade para até 10 pizzas entre 70 cm e 90 cm.

Nós do GSPP temos o maior orgulho em ter a Elephant como uma de nossas marcas parceiras que oferecemos para os novos franqueados. Não perca essa oportunidade e aproveite que a Elephant está em expansão e você pode ser o próximo franqueado dessa pizza tão querida pelos moradores do Rio de Janeiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.